quinta-feira, 30 de janeiro de 2014

Japoneses amam histórias de terror, fantasmas, alucinações e pesadelos!




Imagem retirada do site: http://pt.wikipedia.org/wiki/Rokurokubi

Na imagem: rokurokubis, eles são um tipo de youkai que durante a noite consegue espichar seus pescoços de uma forma medonha. Os youkais são uma espécie de deuses-demônios.




O folclore nipônico está aí há milênios e mostra histórias de terror como a base principal. Enquanto o folclore ocidental europeu dá importância à fantasia e à aproximação da realidade. O folclore oriental (China, Índia, e Japão são exemplos) tende a fugir dos padrões e mais se parecem sonhos e pesadelos.

Enquanto na China é tudo uma baboseira envolvendo jade e dragões, o folclore japonês é sensacional ao dar importância ao pesadelo. Prova disso é a popularidade do mito dos youkais no Japão que são uma espécie de semi-deuses-demônios que por algum motivo invadem a cultura japonesa e trazem aventuras e muita fantasia nas lendas do Japão.

O folclore oriental não tem o nexo do ocidental. Enquanto o europeu se preocupa com a proximidade da realidade e dos fatos, o oriental ignora e mergulha no irreal e ridículo; mas japoneses conseguem se dobrar tanto que ultimamente tem usado a experiência ocidental e criado os famosos e incríveis vídeos de fantasmas japoneses, que tem grande sucesso no You Tube.

A paixão dos japoneses pelo terror é um traço da cultura, tanto que no Japão existe uma floresta chamada de Aokigahara, conhecida como Floresta dos Suicídios, lá as pessoas se suicidam. Embora os japoneses usem Aokigahara para se suicidar devido seu isolamento e afastamento da cidade, e para não querer chocar a família (um traço da cultura japonesa), ela também tem uma ligação à adoração dos nipônicos ao macabro, ao isolado e ao terror.
 
Quando se lembrar de pesadelos, terror e fantasia macabra, se lembre dos japoneses, pois é um traço marcante da cultura deles.