terça-feira, 9 de dezembro de 2014

Por que os orientais são tão inteligentes? A alimentação dos orientais pode ser o segredo de sua inteligência!

Na imagem pratos típicos da comida japonesa.

Volta e meia vemos na televisão sobre a alta qualidade de vida que se tem em países orientais, sobretudo a China e o Japão. Os chineses e japoneses vivem muito e vivem bem e sua alimentação é excelente!
 
Chineses e japoneses possuem uma dieta rica em peixe cru (ricos em ômega 3) e legumes e tem os melhores QIs no mundo e empatam com os judeus que NÃO COMEM CARNE DE PORCO QUE É RICA EM ÁCIDOS, E É MAIS NOCIVA DO QUE BENIGNA. 

A gordura por si só é mais maligna do que benigna, as utilidades da gordura no organismo são poucas como: dar energia ao corpo, isolante térmico e como auxiliadora na síntese de algumas vitaminas.

O chocolate amargo, azeite de oliva, ômega 3 e o vinho de boa qualidade são ricos em flavonóides e limpam o sangue das gorduras ruins e estimulam o sangue para que bombeie de forma mais rápida.

Toda a gordura, sal e açúcar em excesso no organismo são prejudiciais, e não prejudica apenas a saúde física, como a mental. A bebida alcoólica mesmo diminui drasticamente o QI (Quociente de Inteligência), assim como qualquer outra droga.

Seria a alimentação dos orientais e os bons hábitos de vida o segredo da alta inteligência deles?

Memeticamente e geneticamente eram para os orientais serem muito atrasados, pois na influência dos memes usam ideogramas como escrita, usam dois palitinhos para comer e tem uma mitologia fraca comparada a do ocidente; geneticamente não são mestiços como os europeus, então observamos duas coisas nos orientais: A MEMÉTICA FRACA (por conta do uso ainda de palitinhos, ideogramas...) e O ISOLAMENTO GENÉTICO E GEOGRÁFICO.

O Japão mesmo se isolou durante muito tempo do resto do mundo e mesmo assim não se tornaram atrasados tecnologicamente.

Há duas principais teorias que podem explicar a inteligência dos orientais:

Os ideogramas estimulam a memória – a escrita por ideogramas fazem os orientais terem uma memória melhor, uma inteligência de outro nível, contudo isso os deixa menos criativos e mais robôs, a China é um exemplo notável de como as pessoas são tratadas, como robôs. 

A alimentação dos orientais – os orientais realmente se alimentam bem, peixe cru e legumes são iguarias e fazem um bem danado à saúde.

Pode haver mais explicações para isso.

Os ocidentais são mais inteligentes?

Nem os ocidentais são mais inteligentes e nem os orientais são mais inteligentes que os ocidentais. Generalizar é um erro crônico!
O que notamos é uma diferença de culturas. Sabe-se que o isolamento genético ou geográfico pode deixar um povo atrasado, como os ameríndios, subsaarianos e outros povos insulares (polinésios...).

A China nada seria sem a influência da Índia, e de outros lugares próximos e vice-versa, notamos que as nações, assim como as pessoas, compartilham seu saber a respeito sobre o que descobriram e assim as grandes invenções surgem.
Que o diga a famosa e histórica rota da seda que ligou os mercadores ocidentais e árabes à Índia e China!

Mas então quem come no Mc Donald’s é realmente burro?

Não se sabe se é a alimentação que deixa as pessoas mais inteligentes, ou são as pessoas mais inteligentes que por quererem cuidar da saúde acabam se alimentando melhor. Sabe-se que os vegetarianos são mais inteligentes que os carnívoros, mas o porquê ainda não ficou claro!

Então pode ser que os orientais por si só sejam inteligentes e por isso se alimentam bem!

É uma possibilidade!

: )